Título
X
 

1
Domingos Tavares
Jan Van Eyck
Representação do espaço real


Jan Van Eyck actuou num ambiente cultural e político distinto do que explica o novo ciclo saído da vontade de fazer renascer a memória do classicismo romano. Com perfeito domínio do desenho e aparente controlo da geometria, recorria às mais avançadas técnicas pictóricas, às perspectivas convincentes, à expressão dos sentimentos humanos nos retratos e até à subtileza dos significados induzidos na pintura quando, no contexto das cidades do Sul ainda mal se definiam as primeiras regras da ciência perspéctica. O domínio da representação eficaz do espaço real constituiu o instrumento base para arte de modelação das formas espaciais, o mesmo que esteve no ressurgimento da ideia de arquitectura que marcou o ciclo moderno.

Transformações na Arquitectura Portuense
Lançamento do livro de Domingos Tavares na Fundação Marques da Silva
13 de Dezembro de 2017


Uma Genealogia da Imaginação de Paulo Mendes da Rocha
Lançamento do livro de Daniele Pisani na Casa da Arquitectura
19 de Novembro de 2017


Imagem de abertura:
Filarete: planta de Sforzinda